Prouni 2018 Nota de Corte

Nota de Corte do Prouni 2018

Para quem é estudante, e tem interesse em participar do Prouni 2018, deve ler atentamente, tudo o que for escrito aqui, pois existem informações e dicas importantes sobre a nota de corte de cada matéria.

  prouni-notas-de-corte

O programa universidade para todos (Prouni), faz uma seleção de cada estudante, para que ocorra o seu ingresso em uma instituição particular de ensino superior. As bolsas oferecidas a cada estudante são, bolsas integrais e bolsas de 50% a estudantes que devem se enquadrar a vários requisitos para que possa receber alguma destas bolsas ofertadas pelo Prouni.

Para o estudante, ter a condição de participar do programa, ele deve primeiro participar do exame nacional do ensino médio que é o Enem do ano anterior, que terá todas as suas provas aplicadas no final do ano, sem uma data especifica ainda. E através desta nota obtida no Enem, o estudante pode se cadastrar no Prouni, e ter a chance de receber alguma bolsa de estudo, seja ela integral ou de 50%.

Prouni 2018 Notas de Corte

Existe uma nota mínima para que o estudante, tenha a oportunidade de participar do programa universidade para todos, e essa nota mínima é a de 450 pontos, na média de todas as matérias do Enem, além de ser preciso uma nota acima de zero na redação que foi feita pelo estudante.

Para saber a média, o estudante deve somar todas as suas notas, de cada matéria(Ciências humanas, matemática, linguagens código, redação, ciências da natureza) e por fim dividir toda a soma das notas por cinco, para obter a sua média, para saber se pode ou não participar do programa Prouni.

Mas antes do período do Enem, mesmo se o estudante alcançar os 450 pontos, ele deve consultar qual o mínimo de pontos para o curso que ele deseja realizar em uma instituição privada.

nota-de-corte-prouni

Como Funciona as Notas de Corte do Prouni 2018?

Quando se inicia o segundo dia do Prouni, o programa realiza o cálculo das notas de cortes do Prouni 2018, e informa a nota de corte para cada curso, e assim o estudante fica por dentro para saber qual curso ele tem condição de se inscrever.

Para estar apto a se inscrever no Prouni 2018, o estudante deve estar com uma nota maior ou igual a nota de corte estabelecida pelo Enem, pois a nota de corte é uma nota mínima para o ingresso no curso.

Porém, mesmo que o estudante tenha alcançado uma nota maior ou igual a nota de corte, isto não quer dizer que ele já está aprovado, e já pode receber alguma bolsa integral ou parcial, a nota de corte, só é um auxilio para o estudante e serve para informar se ele tem condição de se inscrever para uma bolsa referente aquele curso desejado.

Nota de Corte 2018 Consulta

Para quem for tentar uma bolsa no Prouni 2018, só poderá consultar a nota de corte através do site oficial, que se encontra no endereço http://prouniportal.mec.gov.br e as notas só ficaram disponíveis durante o período das inscrições, e a para realizar a pesquisa, o estudante deve informar o nome do curso que deseja realizar, a cidade ou a instituição que deseja.

Leia Mais

Cancelar Fies (substituir) para Bolsa do Prouni

Substituir o FIES pelo PROUNI

Você é estudante universitário e participa do FIES e quer cancelar? Saiba se isso é possível e se é possível cancelá-lo para uma Bolsa do Prouni. Inicialmente vamos diferenciar estes dois programas do governo federal que permitiu tantos estudantes de baixa renda ter acesso ao ensino superior e veja como fazer o cancelamento do FIES.

fies-prouni

Ambos o FIES e o PROUNI são programas do governo federal através do Ministério da Educação, o primeiro Programa Universidade para Todos (ProUni) promove seleção para oferecer bolsas parciais e integrais para alunos de baixa renda oriundos de instituições públicas de ensino e que queiram estudar em uma faculdade. Para isso, além de comprovar ter baixa renda, ter estudado em escola pública, é preciso que a universidade que deseja fazer seu curso superior participe do ProUni.

Para se inscrever no ProUni é necessário ficar atento às inscrições que ocorrem duas vezes ao ano, geralmente no primeiro e a segunda inscrição no segundo semestre. Para participar o estudante deve ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e ter obtido pelo menos 450 pontos no exame e não ter zerado na redação. Ao fazer a inscrição no ProUni o candidato deve escolher por ordem de prioridade os cursos que desejam concorrem às vagas.

Já o FIES (Fundo de Financiamento Estudantil do Ensino Superior) financia as mensalidades dos cursos de graduação para estudantes que já estejam matriculados em um curso de ensino superior em instituições privadas e também prioriza os estudantes de baixa renda. Para pleitear o financiamento o estudante precisa estar matriculado em um curso superior, este curso precisa ter uma avaliação positiva no MEC e deve comprovar a renda per capita familiar de até 2,5 salários mínimos; outro requisito é também ter alcançado no ENEM a nota mínimo de 450 pontos. Saiba mais sobre o FIES acessando: www.fies.org

Como Trocar o Fies pelo Prouni?

Há algumas dúvidas frequentes entre os beneficiários dos dois programas. Por exemplo, é possível usar os dois benefícios simultaneamente? Vai depender do tipo de bolsa que você possui no PROUNI. Por exemplo, você tiver uma bolsa integral no ProUni e conseguir o FIES, vai ser necessário suspender ou encerrar o FIES. Já se você conseguiu a bolsa parcial de 50%%, pode usar o FIES para financiar os 50% restantes. Outra dúvida se é possível transferir o FIES para outra instituição. Isso vai depender se na outra instituição tem vaga no curso para o FIES. Se positivo, poderá fazer a transferência pelo próprio sistema ProUni.

FIES Cancelamento

Se quiser ir para outra instituição sem o Fies, pode fazer, mas terá que cancelar ou suspender o mesmo. Importante lembrar que se cancelar o Fies, só pode solicitá-lo uma única vez, então se o encerrar e escolher substituí-lo pelo ProUni, você não terá uma segunda chance de voltar atrás para o FIES.

cancelar-fies-bolsa-prouni

Veja Como Fazer o Cancelamento do FIES em: https://fies.org/fies-como-cancelar.htm

Já o ProUni já permite, mesmo que você o perca por diversas razões, você poderá refazer o teste para adquiri-lo (atendendo os critérios do mesmo, é claro).

Por estas questões acima e outras é necessário analisar bem o que vai fazer como cancelar ou não o Fies ou substituir ou não pelo ProUni. Questão de analise minuciosa antes de tomar qualquer decisão.

Leia Mais

Quem tem Fies pode Fazer Prouni?

FIES e Prouni Juntos Veja o Que Fazer

Os estudantes que estudam e tem o sonho da universidade conhecem várias formas que o governo federal tem disponível para proporcionar o acesso mais facilitado a este estudante ao ensino superior. Então muitos estudantes conhecem o PROUNI e o FIES e se perguntam se tendo um destes programas inscritos poderá participar do outro? Primeiramente vamos conhecer cada um deles e tirar esta dúvida.

quem-tem-fies-e-prouni

O Programa Universidade para Todos (ProUni) oferece bolsas de estudo tanto parciais como integrais em instituições particulares de ensino superior assim como aquelas de cursos de formação específica e somente estudantes brasileiros sem diploma de nível superior podem participar do ProUni.

O que é FIES?

O Programa de Financiamento Estudantil (FIES) é também um programa do Ministério da Educação (MEC) que se destina a financiar a graduação na educação superior de estudantes que já estejam matriculados em cursos superiores particulares e que o curso deve ter uma avaliação positiva nos processos avaliativos realizados pelo MEC. O FIES é um empréstimo para pagar a faculdade, diferente do Prouni que é uma bolsa.

FIES ou PROUNI?

Embora diferentes, os programas acima podem ser usados ao mesmo tempo, no caso, somente poderá ser usado pelo bolsista parcial do ProUni para pagamento dos 50% dos valores restantes do valor da faculdade que a bolsa de estudo não cobre.

Mas, apesar de haver esta possibilidade de participar os dois problemas é necessário ficar atento novas regras e alguns requisitos para poder usufruir dos dois programas.  A faculdade onde está matriculado participa do FIES? Isso é importante para poder financiar a sua faculdade; outro requisito é que o FIES só pode ser solicitado para financiamento de cursos presenciais e particulares e não os cursos à distância e também curso que tem avaliação positiva do MEC; para poder usufruir do ProUni e FIES é necessário o estudante estar matriculado no mesmo curso e na mesma faculdade e que a soma dos dois programas não ultrapasse o valor dos encargos educacionais com os descontos. A partir de 2015, quem solicitou o FIES  tem que ter obtido o mínimo de 450 pontos e não ter zerado na redação do ENEM. Mas, para quem já tem a bolsa parcial do ProUni e vai pedir o FIES esta última regra não vale, pois o ProUni já exige pelo menos 450 pontos no ENEM.

É preciso ficar atento ao calendário de inscrição tanto do ProUni quanto do FIES para não perder a oportunidade de participar do Prouni, saiba mais em: Inscrições Prouni.

fies-e-prouni-juntos

Há também outras dúvidas quanto à possibilidade de usar os dois programas como se pode financiar o FIES apenas uma parte do que falta para pagar a mensalidade (no caso dos bolsistas parciais). Isto não é possível, pois o percentual mínimo de financiamento do programa FIES é de 50% dos encargos.

Além do estudante que concorra ao FIES além de não ter cursado faculdade anteriormente outros critérios são analisados para conceder o programa como o estudante tem renda familiar de até três salários mínimos bruto por pessoa. O estudante que tenha renda familiar superior a este valor já está fora do programa. Ainda deve-se lembrar de que para o ProUni é necessário também comprovar uma renda de até três salários mínimos.  Tem dúvidas ainda se é possível ter acesso aos dois programas do MEC, pesquise e leia atentamente as regras dos programas e se informe. Saiba mais acessando www.fies.org e veja se precisa cancelar o FIES para o Prouni e outras informações sobre os programas.

Leia Mais

Prouni 2018 Inscrição

Inscrições para o Prouni 2018

Veja quem pode fazer a inscrição no Prouni e como fazer

Se você está pensando em cursar uma faculdade no ano de 2018, uma das melhores opções de conseguir entrar no tão sonhado ensino superior é através do Programa Universidade para Todos, mais conhecido popularmente como PROUNI. Participando do ENEM da edição anterior do ProUni, você poderá se inscrever no Programa e tentar ganhar uma bolsa que pode ser integral, ou parcial, nesse último caso o aluno pagará 50% do valor total da mensalidade. Se tem interesse em participar, confira a seguir mais informações de como você pode se inscrever no Prouni 2018.

inscricao-prouni-2011

A finalidade do Prouni 2018 é dar bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação em instituições privadas de educação superior. Para se inscrever no Prouni 2018 você não poderá ter diploma de curso superior e ter realizado o Enem no anterior. Você deverá ter feito no mínimo 450 pontos na média das cinco notas do Enem (ciências da natureza e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; linguagens, códigos e suas tecnologias; matemática e suas tecnologias e redação).

Grande parte dos estudantes que participam do Enem tem essa pretensão, que é concorrer às bolsas do ProUni, mas a nota do ENEM não é limitada somente a isso, você consegue ter acesso a outros programas educacionais utilizando a nota deste exame, o Sisu, por exemplo, é um desses outros programas que o governo também permite que você participa através dessa mesma nota. O Enem é um programa tão importante que através dele o candidato também consegue ter acesso até ao programa FIES – Financiamento Estudantil que também é muito importante para grande parte das pessoas.

Para ver como fazer sua inscrição em 2018 acesse: Inscrições Prouni 2018

Bolsas do Prouni 2018 Inscrições

Para concorrer às bolsas do Prouni, o candidato também deve ter renda familiar de até três salários mínimos por pessoa e satisfazer a pelo menos uma das seguintes condições: ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública; ter cursado o ensino médio completo em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição; ser portador de deficiência; ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério e integrando o quadro de pessoal permanente e que estejam concorrendo a bolsas nos cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia.

prouni-requisitos-inscricoes

Requisitos do Prouni

Confira logo abaixo uma lista com as exigências para que possa se inscrever no programa:

  •  Você deverá ter feito a prova do Exame Nacional do Ensino Médio um ano antes de sua inscrição no ProUni,
  • Sua nota final na prova do Enem deverá ter sido igual ou superior a 450 pontos,
  • A renda per capta familiar do estudante interessado em se inscrever deverá ser um e meio até três salários mínimos,
  • Você também deverá ter cursado o ensino médio em escolas da rede publica de ensino, no caso de ter cursado em escolas particulares, deverá ter sido bolsista integral,
  • Caso você seja professor da rede publica de ensino a questão da renda per capta não é levada em conta se desejar cursar outro curso que esteja na área de educação.

Você que pretende fazer o Prouni 2018 fique atento as dicas que vamos colocar aqui no site Prouni.net que você terá muitas chances de ganhar sua Bolsa pelo Prouni.

Leia Mais

Bolsas do Prouni – Como Funciona

Prouni Bolsas

Hoje em dia se tornou muito mais fácil e acessível conseguir uma bolsa de estudo em alguma entidade de ensino, principalmente depois que o programa Prouni foi instalado, esse programa vem fazendo com que vários jovens de todas as classes sociais possam ter um estudo de qualidade e que possam se profissionalizar em alguma área de estudo. Veja como funciona as bolsas do Prouni e saiba se você pode se inscrever para conseguir uma bolsa integral ou parcial.

bolsas-do-prouni

Uma das principais formas de conquistar uma bolsa para o ensino superior se dá graças ao PROUNI, este é conhecido pelo nome Programa Universidade para Todos, onde muitos alunos podem receber bolsas de estudo para estudar em instituições de ensino superior privadas, sem precisar pagar nada das mensalidades, e ainda não precisam pagar nada também depois que concluírem a graduação.

Para entender melhor Como Funciona o PROUNI 2018, este post foi preparado com as principais mudanças que o programa tem recebido desde suas edições anteriores. As principais delas encontram-se nos quesitos para participar do programa, e nos resultados do Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM, o qual deve ter sido realizado em 2017, na sua ultima edição, que será este ano.

O PROUNI já tem beneficiado milhares de brasileiros oferecendo bolsas de estudo em faculdades privadas, que podem chegar a atingir os 100% dos valores das mensalidades. Em muitos cursos, as bolsas do PROUNI não são integrais, no entanto, já auxiliam aos alunos nas mensalidades que as faculdades privadas colocam para pagamento.

Quem já sabe Como Funciona o PROUNI, poderá verificar que as mudanças no programa estão limitando à muitos alunos a conseguirem as bolsas. Por isso, para participar das seleções desse ano, veja no próximo capitulo em quais casos é possível participar do programa e mantenha-se preparado!.

Como Conseguir uma Bolsa do Prouni?

Para conseguir uma bolsa no Prouni você precisa realizar a prova do Enem, mais conhecido como Exame Nacional do Ensino Médio, nesse exame você vai responder várias questões que envolvem diversas matérias, entre elas matemática, português, conhecimentos gerais, língua estrangeira (pode escolher entre Inglês e espanhol), etc. Depois que você realizar essa prova do Enem e conferir o resultado, vai poder usar a nota do Enem para conseguir uma bolsa no Prouni, que é outra etapa para conseguir uma bolsa.

Depois de realizar o Enem (no ano anterior de sua inscrição no Prouni) e conferir o resultado do exame, você pode se inscrever no Prouni, depois de inscrito poderá aguardar o resultado da seleção de alunos para conseguir bolsas para diferentes cursos superiores, os quais você poderá escolher conforme sua nota, participar do programa Prouni é muito fácil.

prouni-bolsas

As Bolsas do Prouni sempre estão sendo distribuídas para diversos jovens que estão terminando o ensino médio e querem se ingressar em uma faculdade que ofereça vários cursos de alto desempenho e qualidade.

Agora que você já sabe como funciona as bolsas do Prouni, você é claro não vai mais querer perder tempo, corra logo e garante já a sua, quem fez o Enem do ano anterior precisa ficar atento sobre as inscrições do Prouni, aproveite essa oportunidade de conseguir uma bolsa parcial ou integral para diversos cursos superiores. Para saber mais sobre as bolsas do Prouni entre no portal do MEC e tire todas as suas dúvidas. Se você não fez o ENEM, não marque bobeira e faça a sua inscrição na próxima edição do ENEM.

Quem pode participar do PROUNI?

Sabemos que as inscrições do PROUNI iniciam no primeiro semestre de cada ano, após sair os resultados da ultima edição do ENEM. No entanto, não deixe de realizar este exame caso deseje uma bolsa para uma faculdade privada, pois se não fizer o ENEM, não tem como se inscrever no programa.

Agora se você já fez a prova do ENEM, não perca o prazo para sua inscrição no PROUNI, lembre-se que é possível escolher até dois cursos para poder receber a bolsa, por tanto, é preciso estar atento aos editais no inicio do ano, e manter a documentação pessoal separada para evitar transtornos no momento de conceder as bolsas de estudo.

Leia Mais

Prouni Trancamento de Matrícula

Trancar Faculdade com Bolsa do ProUni

O Governo Federal vem criando diversos projetos e programas na parte da educação com a finalidade de melhorar este quesito no país. Um dos programas criado pelo Governo Federal é o ProUni. Saiba que tal projeto possui a finalidade de oferecer bolsas de estudos em instituições de ensino privadas, nos quais, as mesmas são destinadas aos jovens estudantes de baixa renda. Confira como trancar a matrícula da bolsa do Prouni.

prouni-trancar-matricula

Quem pode Trancar o Prouni?

É importante saber que se você possui dificuldades financeiras e deseja concluir a sua faculdade, saiba que você precisa apenas se dirigir a uma agência do ProUni ou simplesmente você poderá acessar o site oficial do ProUni para realizar a sua inscrição. Outro detalhe é que o aluno interessados também irá passar por um processo seletivo, no qual, a finalidade é comprovar se o mesmo é uma pessoa de baixa renda. Os valores pré-determinados pelo ProUni como um aluno de baixa renda é de até três salários mínimos por pessoa.

Ainda sim muitos estudantes e principalmente aqueles que não possuem informações suficientes sobre este programa sempre acabam passando por algum tipo de problema. Um dos problemas mais enfrentado pelo bolsista é justamente o trancamento da matrícula, ou seja, suspensão da matrícula de um dos bolsistas do Prouni. Confira mais informações a respeito deste tipo de problema na continuação deste artigo.

Solicitar Trancamento de Bolsa do Prouni

Saiba que até o próprio bolsista poderá solicitar o trancamento de sua bolsa de estudos fornecida pelo ProUni. Saiba que basta se dirigir a agência da instituição e solicitar tal procedimento, lembrando que os dias que você passar com a bolsa de estudos suspensa, será contado, ou seja, será descontado.

Confira também: Reclamações do PROUNI

Além disso, a suspensão de sua bolsa de estudos também poderá ser ocasionada por um dos seguintes motivos: matrícula suspensa pela instituição de ensino pelo motivo do não pagamento da mensalidade nos casos de bolsistas parciais. Abandono do período letivo de tal bolsista também pode ocasionar a suspensão, bolsa não atualizada pelo coordenador do ProUni responsável pela bolsa dentro do prazo estabelecido pelo MEC dentre outros motivos.

Leia Mais

PROUNI EAD – Bolsas, Vagas

Inscrição PROUNI EAD

Sabe o que é o
PROUNI? Este é mais um programa criado pelo Governo Federal chamado de Programa Universidade para Todos e que concede bolsas integrais ou parciais (50%) em instituições privadas de ensino superior. Confira informações sobre o PROUNI EAD e saiba as vagas e cursos oferecidos.
prouni-ead
A diferença deste programa em relação ao FIES é que o segundo financiamento para os estudantes matriculados em curso de graduação não gratuito e que pagam o curso após a conclusão do mesmo através do financiamento do FIES que tem juros super baixo. Diferentemente o PROUNI concede uma bolsa aos estudantes matriculados em cursos de graduação de forma integral ou parcial como forma de ajuda e incentivo para quem vem de família de baixa renda a continuar os estudos.

No caso existem pré-requisitos para concorrer às bolsas do PROUNI EAD que são: para concorrer às bolsas integrais o estudante deve ter uma renda familiar bruta de até um salário mínimo e meio por pessoa. Para as bolsas parciais (de 50%) a renda familiar bruta precisa ser de até três salários mínimos por pessoa. Os candidatos para ambos os tipos de bolsas devem ter como requisitos: ter cursado o ensino médio inteiro em escola pública ou em escola particular na condição de bolsista integral; ou ter parcialmente cursado o ensino médio em escola pública e particular, mas neste último caso como bolsista integral; se ruma pessoa com deficiência, for professor da rede pública de ensino e no efetivo exercício do magistério da educação básica; e os candidatos precisam ter passado pelo último Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), com exceção do professor da rede pública que não precisam passar pelo ENEM.

As inscrições para o PROUNI EAD acontecem sempre no primeiro e segundo semestre de cada ano e geralmente acontece no comecinho de cada semestre.  Por isso, devem ficar atento os interessados principalmente porque o período de inscrição é breve. Para efetivar a sua inscrição o candidato precisa saber o número de inscrição no ENEM e senha (esta última caso tenha esquecido poderá ser recuperada na página do ENEM). No momento da inscrição, o candidato escolhe duas opções de cursos do PROUNI e o turno dentre os cursos EAD com bolsas disponíveis. Uma curiosidade do RPOUNI é que o candidato pode alterar as suas opções de curso até o final do período de inscrições que serão tudo feitas no site do PROUNI ver em http://siteprouni.mec.gov.br.

E possível no link acima ter todas as informações sobre o PROUNI inclusive as bolsas remanescentes que são aquelas vagas em cursos que não foram preenchidas. Os cursos EAD do PROUNI vão depender da instituição que você escolher, algumas oferecerem a opção de ensino à distância, já outras não. Para estas e outras informações não deixe de consultar o link acima.

Leia Mais

Prouni Comprovação de Renda

Comprovação de Renda no PROUNI

Conhece o
PROUNI? Este é o chamado Programa Universidade para Todos criados pelo Ministério da Educação em 2004 e que em linhas gerais é um programa que oferece bolsas de estudos em instituições privadas de educação superior em cursos de graduação ou sequenciadas para estudantes brasileiros. Saiba se o Prouni precisa de comprovação de renda e como é feita.

prouni-comprovacao-de-renda

Se você ainda não conhece o Prouni, saiba como se inscrever e demais detalhes sobre o PROUNI, inclusive uma curiosidade do programa é que ele é destinado apenas aos estudantes de baixa renda familiar e, por isso, precisam comprovar a renda familiar e também terem outros requisitos.

Entre os outros requisitos dos interessados em participar do PROUNI estão: estudantes egressos de ensino médio de escola pública ou que tenham feito o ensino médio em escola particular na condição de bolsista integral; outro requisito é ser o estudante deficiente físico; candidato pode ser professor da rede pública de ensino e este no quadro perrimamente de professores que, neste caso, este tipo de candidato só pode se candidatar a cursos de licenciatura e no caso dos candidatos professores não precisam comprovar renda; outra condição é ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) do ano anterior e, no caso dos professores candidatos, não precisam ter feito o ENEM. Para os demais candidatos que tem que ter feito o ENEM ainda devem ter obtido a nota mínima de 450 pontos na média das notas do ENEM e não ter zerado na prova de Redação do ENEM.

A bolsa oferecida pelo PROUNI vai depender da comprovação da renda do candidato. Existem dois tipos de bolsas oferecidas: a bolsa integral, que é dada aos estudantes de renda familiar bruta por pessoa de até um salário mínimo e meio; a bolsa parcial, que concede 50% do valor da mensalidade da universidade particular que o candidato estiver se candidatado e é destinada aos candidatos possuam renda bruta de até três salários mínimos por membro da família.

Para concorrer às bolsas os candidatos não precisarem estar matriculado em nenhuma instituição de graduação particular, e este não passa por nenhuma seleção, mas, há instituições credenciadas no PROUNI que podem exigir alguma forma de seleção, além de ter passado pelo ENEM.

Quanto às inscrições no PROUNI, esta acontece duas vezes ao ano, a primeira vez no início do ano e a segunda, no início do segundo semestre e as inscrições são feita de maneira gratuita. Para efetuar a inscrição assim como outras informações sobre este processo seletivo acesse a página do ENEM em http://sistemasenem2.inep.gov.br/resultadosenem/.

Leia Mais