Inscrições Prouni 2018 – Como Funciona

Prouni 2018 Inscrição – Veja Como Fazer

Conheça melhor o programa Universidade para Todos e veja se pode participar nas seleções de 2018. Oportunidades para estudar no ensino superior são mais privilegiadas com o PROUNI.

As inscrições para o Prouni 2018 são feitas por milhares de estudantes de todos os estados do Brasil com o intuito de conseguirem uma bolsa integral ou parcial para fazer em ensino superior em uma universidade particular, confira a seguir como você pode fazer a sua inscrição no Prouni 2018 pela internet.

prouni-como-funciona

Para fazer a inscrição para o Prouni 2018, o estudante não pode ter feito nenhum curso de ensino superior, deve ter feito a prova do Enem 2017 e obtido uma nota de no mínimo 450 pontos na média das cinco matérias que tem na prova, que são ciências humanas, ciências da natureza, linguagens, matemática e códigos. Há também uma redação que é feita na prova do Enem com um tema que é pedido na hora e para participar do Prouni 2018, o aluno não pode ter zerado na nota da redação.

PROUNI 2018 Requisitos

O primeiro requisito, fundamental e que barra qualquer forma de inscrição para poder participar do PROUNI 2018 é que o candidato tenha participado da ultima realização do ENEM. Sem esta o candidato não pode participar, e ao contrário dos outros anos, para 2018 o candidato deverá ter no mínimo completado uma média de 450 pontos nas disciplinas, e não ter tirado nota zero na redação exigida no exame.

Outro requisito fundamental para ter ciência de quem pode participar do PROUNI 2018 é não ter concluído nenhum curso de ensino superior anteriormente, a final, o programa destina-se apenas a aqueles que possuem baixa renda, e as pessoas que já tenham ensino superior completo, podem estar atuando no seu mercado de trabalho e recebendo uma remuneração significativa.

Além dessas regras, para participar do Prouni 2018 a pessoa também tem que ou ter feito o ensino médio em escola pública, ou ter feito o ensino médio em escola particular como bolsista integral, ou ser uma pessoa com deficiência, ou ser professor de escola pública.

Inscreva-se no Prouni 2018

As inscrições para o Prouni 2018 terão apenas uma única etapa e terá dois processos seletivos, um para o primeiro semestre de 2018 e outro para o segundo semestre de 2018, fazendo com que assim, tenham mais oportunidades para os estudantes.

Se você tem dúvidas de como funciona a inscrição do Prouni 2018, ela é feita somente através do site oficial do programa e para fazer a inscrição basta informar o número da sua inscrição e senha do Enem 2018 e o número do seu CPF. Quando você fizer a inscrição, você pode escolher até duas instituições, dois cursos e dois turnos dos que estarão disponíveis e para consultar quais opções estão disponíveis, basta ver também no site do Prouni MEC.

Se por acaso você não se lembrar do seu número de inscrição ou senha do Enem 2018, basta relembrar através do link: http://sistemasenem2.inep.gov.br/resultadosenem/.

como-funciona-prouni

Você pode ver as notas de corte de cada curso pelo sistema no segundo dia em que começarem as inscrições e verificar quanto você precisa tirar para conseguir entrar no curso e instituição em que você deseja. As notas de corte do Prouni 2018 são bem variadas e mesmo sendo o mesmo curso elas podem ser diferentes de acordo com a instituição. Você pode alterar as suas opções de escolha várias vezes, até a data final das inscrições e as opções válidas serão aquelas que você colocar por último, assim você pode ver quanto você tirou e qual a nota de corte, para ter uma certeza maior de que será selecionado.

Quando o prazo das inscrições do Prouni 2018 acabar, é feita a seleção dos alunos que ganharão bolsas através das notas de corte e da nota que o candidato tirou na prova do Enem 2017 e depois, são feitas duas chamadas para que os alunos compareçam até a instituição escolhida, comprovar todas as informações que foram fornecidas no cadastro através do site e se matricular para estudar no curso tão desejado.

Se você quiser saber mais sobre as incrições para o Prouni 2018, como fazer as inscrições, como funciona o programa e todas as regras para participar do prouni, basta acessar o site através do link: http://siteprouni.mec.gov.br/.

Leia Mais

Prouni 2018 Nota de Corte

Nota de Corte do Prouni 2018

Para quem é estudante, e tem interesse em participar do Prouni 2018, deve ler atentamente, tudo o que for escrito aqui, pois existem informações e dicas importantes sobre a nota de corte de cada matéria.

  prouni-notas-de-corte

O programa universidade para todos (Prouni), faz uma seleção de cada estudante, para que ocorra o seu ingresso em uma instituição particular de ensino superior. As bolsas oferecidas a cada estudante são, bolsas integrais e bolsas de 50% a estudantes que devem se enquadrar a vários requisitos para que possa receber alguma destas bolsas ofertadas pelo Prouni.

Para o estudante, ter a condição de participar do programa, ele deve primeiro participar do exame nacional do ensino médio que é o Enem do ano anterior, que terá todas as suas provas aplicadas no final do ano, sem uma data especifica ainda. E através desta nota obtida no Enem, o estudante pode se cadastrar no Prouni, e ter a chance de receber alguma bolsa de estudo, seja ela integral ou de 50%.

Prouni 2018 Notas de Corte

Existe uma nota mínima para que o estudante, tenha a oportunidade de participar do programa universidade para todos, e essa nota mínima é a de 450 pontos, na média de todas as matérias do Enem, além de ser preciso uma nota acima de zero na redação que foi feita pelo estudante.

Para saber a média, o estudante deve somar todas as suas notas, de cada matéria(Ciências humanas, matemática, linguagens código, redação, ciências da natureza) e por fim dividir toda a soma das notas por cinco, para obter a sua média, para saber se pode ou não participar do programa Prouni.

Mas antes do período do Enem, mesmo se o estudante alcançar os 450 pontos, ele deve consultar qual o mínimo de pontos para o curso que ele deseja realizar em uma instituição privada.

nota-de-corte-prouni

Como Funciona as Notas de Corte do Prouni 2018?

Quando se inicia o segundo dia do Prouni, o programa realiza o cálculo das notas de cortes do Prouni 2018, e informa a nota de corte para cada curso, e assim o estudante fica por dentro para saber qual curso ele tem condição de se inscrever.

Para estar apto a se inscrever no Prouni 2018, o estudante deve estar com uma nota maior ou igual a nota de corte estabelecida pelo Enem, pois a nota de corte é uma nota mínima para o ingresso no curso.

Porém, mesmo que o estudante tenha alcançado uma nota maior ou igual a nota de corte, isto não quer dizer que ele já está aprovado, e já pode receber alguma bolsa integral ou parcial, a nota de corte, só é um auxilio para o estudante e serve para informar se ele tem condição de se inscrever para uma bolsa referente aquele curso desejado.

Para quem for tentar uma bolsa no Prouni 2018, só poderá consultar a nota de corte através do site oficial, que se encontra no endereço http://prouniportal.mec.gov.br e as notas só ficaram disponíveis durante o período das inscrições, e a para realizar a pesquisa, o estudante deve informar o nome do curso que deseja realizar, a cidade ou a instituição que deseja.

Leia Mais

FIES 2018 Inscrição, Regras

FIES 2018 Inscrições

Já foi beneficiado ou pretende contratar o programa de financiamento FIES? Confira as novas regras para 2018.

O programa de financiamento estudantil conhecido como FIES tem beneficiando todos os anos uma grande quantidade de pessoas que não possuem condições de pagar as mensalidades do ensino superior. São inúmeros cursos de graduação que possuem mensalidades maiores de 1 mil reais, como o salário mínimo está abaixo deste valor, muitos não conseguem trabalhar e estudar ao mesmo tempo.

fies-inscricoes

Tendo em vista esta dificuldade, muitos optam por conseguir o FIES mesmo não tendo mensalidades absurdas de caras. Até pelo motivo de que somente começará a pagar a faculdade depois de finalizar o curso, tendo um período de ate 1 ano e meio para iniciar o pagamento. Durante a realização do curso, o único valor que precisa ser pago é de 150 reais de forma trimestral, com isso, o aluno não precisa preocupar-se com a sua situação financeira durante a faculdade, e depois de formado já estará incluído no mercado de trabalho, onde ganhará o valor que o mercado de trabalho estabelece e poderá pagar a faculdade sem problemas maiores.

Ate o ano passado, o sistema de financiamento ainda poderá ser utilizado por muitos brasileiros que desejam fazer a inscrição do FIES 2018, no entanto, a partir de 2018, algumas regras mudarão os requisitos para participar e obter este beneficio, que serão melhores explicadas no decorrer deste post. Confira se poderá adquirir o financiamento com as novas regras do FIES.

Novas regras do FIES 2018

Veja se poderá participar do financiamento estudantil com novos requisitos.

Primeiramente, algumas das regras para fazer a inscrição para o FIES em 2018 continuam semelhantes, tais como tirara nota superior a zero na redação do ENEM, e manter uma media de 450 pontos nesse exame a partir da edição de 2010 para poder participar.

inscricoes-fies

Uma regra que mudou para os novos alunos que desejarão solicitar o financiamento é que não é mais possível adquirir o FIES se já financiou algum curso de ensino superior anteriormente, com o mesmo sistema de financiamento. O governo precisa destinar o FIES para aqueles que realmente precisem do programa, por isso, caso uma pessoa já tenha financiado um curso e terminado o mesmo, já possui condições de entrar no mercado de trabalho e pagar as mensalidades de um novo curso de graduação.

As pessoas que desejam fazer a inscrição para o FIES 2018 também não poderão ainda ter uma graduação concluída no nome. Isso não permitirá que possam solicitar o financiamento a partir de 2018. Bem também como aqueles que já foram beneficiados com outras bolsas, como Prouni e Sisu.

Caso a renda familiar seja superior a dois salários mínimos e meio, os candidatos também não poderão fazer uso do FIES. O financiamento será destinado somente àqueles que possuem baixa renda.

Se está pensando em solicitar o FIES no ano de 2018, fique atento às novas regras que começarão a reger nesse ano! Fique por dentro de todas as novidades no site do programa. Saiba mais acessando o site www.fies.org

Leia Mais

Inscrições ENEM 2018

ENEM 2018 Inscrições

Se você irá fazer o ENEM nesse ano, verifique a possibilidade de participar das inscrições para o Prouni 2018 fique por dentro das melhores bolsas do país. Não perca o prazo para as inscrições do ENEM 2018.

O Programa Universidade para Todos nasceu com o objetivo de poder dar aos brasileiros maiores possibilidade de realizar o ensino superior. Principalmente para aqueles que possuem baixa renda familiar. Criado pelo Governo Federal no ano de 2005, o Prouni já beneficiou milhares de estudantes brasileiros com bolsas de estudo parcial ou total.

enem-inscricoes

As pessoas que desejam participar das inscrições do Prouni 2018 precisam ter realizado, em primeiro lugar, o Exame Nacional do Ensino Médio no ano anterior.  Este é o principal requisito para quem deseja inscrever-se e ser beneficiado pelo programa.

O Prouni2018 disponibiliza bolsas de estudo nas instituições particulares, sendo que alguns cursos possuem vagas de bolsas com valor integral, e outras de valor parcial. Geralmente os cursos de graduação mais caros possuem uma maior quantidade de bolsas, algumas delas integrais e várias parciais, onde a segunda parte dos custos precisa ser pago pelo estudante.

Além de oferecer bolsas de estudo, o Prouni incentiva as pessoas a realizarem o ENEM todos os anos. Para participar os candidatos precisam também estar regularmente matriculados em uma instituição de ensino superior, ter concluído o ensino médio em uma instituição pública de ensino, ou ter alguma deficiência que o impeça.

Acompanhe como participar das inscrições do ENEM 2018 e fique por dentro das inúmeras bolsas para ter a possibilidade de cursar o ensino superior e especializar-se para o mercado de trabalho!

Inscrições do ENEM 2018 para Prouni

Uma das primeiras perguntas realizadas no momento da inscrição é se o candidato realizou o ENEM no ano anterior. Caso ele não tenha feito a prova, seu cadastro é barrado e não é possível concluir o mesmo.

inscricoes-enem-prouni

Para fazer sua inscrição no Prouni2018 basta acessar o site do programa: http://siteProuni.mec.gov.br/ lá o candidato terá que preencher suas informações nos campos correspondentes e aguardar até sair o resultado do sistema para saber quem ficará com as bolsas, dependendo do processo de seleção do programa.

Geralmente neste momento de inscrição as pessoas precisam escolher a descrição da bolsa à qual se desejam candidatar: se a mesma será parcial ou integral. Lembrando que a competitividade entre as bolsas integrais é sempre maior, e nem todos os cursos possui o direito de bolsas integrais, apenas parciais.

Após fazer a inscrição para o Prouni 2018, a seleção é feita a traves das notas do ENEM 2018, e os alunos que tiverem uma renda mensal baixa, mas tenham tirado notas boas são os primeiros a serem chamados. Quando isso acontecer, o mesmo precisa levar toda a documentação solicitada pela instituição no dia designado, sobre pena de perca da bolsa. Portanto não deixe de acompanhar e fazer a sua inscrição para o ENEM 2018 acessando www.enem.net

Não perca esta chance de conseguir uma ótima bolsa para cursar o ensino superior! Esta é sua chance de profissionalizar-se e conseguir aquela tão sonhada vaga no mercado de trabalho, com qualificação ao preço mais acessível.

Leia Mais

PROUNI Vai acabar?

Fim do Prouni?

Antes de chegarmos ao assunto em foco, vou apresentar a você que não conhece este programa o que ele é e seus benefícios e confira se o Prouni vai acabar ou se essa informação não passa apenas de boatos.

vai-acabar-prouni

O ProUni (Programa Universidade para Todos) é um programa do Ministério da Educação, criado em 2004 no qual disponibiliza bolsas de estudos (podendo ser de 100 ou 50%) em instituições e/ou universidades privadas do ensino superior. Segundo dados de 2014, metade dos alunos que estão no Ensino Superior usufruem do ProUni ou do Fies (Programa de Financiamento Estudantil) que por sua vez também é um programa criado pelo Ministério da Educação. Cerca de 2 milhões de estudantes do Ensino Superior da rede de ensino do brasil utilizam desses programas de incentivo ao estudo.

O Prouni vai mesmo acabar?

A discussão sobre o ProUni poder ser cancelado a qualquer momento veio à tona depois da decisão do governo Temer de suspender novas vagas para os programas de incentivo à educação, como o ProUni e o Fies, este cancelamento ocorreu no final do mês de Maio em 2016. O cancelamento se deve pelo o que o governo chama de “Herança Maldita” no que se refere á administração da ex-presidente Dilma Rousseff.

A Presidente da UNE (União Nacional dos Estudantes), Carina Vitral, afirma que a Reforma da Previdência proposta pelo novo presidente, levará ao fim do Prouni. Segundo Carina, esta reforma irá comprometer muito com a qualidade da educação pública.

Há aliados de Mendonça Filho (Ministro da Educação da Era Temer), que dizem que as inscrições do ProUni só devem se reabrir neste ano, pois houve um corte das inscrições em 2016. Esta decisão de abrir novas vagas ou não, depende de um balanço financeiro, que possivelmente será feito pelo ministro Mendonça Filho. Ainda de acordo com os aliados, o ministro não deseja manter o gasto de aproximadamente R$ 1,5 bilhão que o programa tem, ele gostaria de readequar este valor, pois sua intenção é pegar parte desse dinheiro e investir em outros programas.

Algumas medidas já foram tomadas, como a mudança de regras para quem usufrui ou pretende usufruir do ProUni. Agora, você só poderá obter a bolsa parcial com um complemento do financiamento do Fies, se for no mesmo curso e na mesma instituição de ensino. Isso serve para que não haja casos de pessoas utilizando de dois programas de incentivo ao ensino para mais de uma vaga em uma universidade. Então o Prouni não vai acabar e vai continuar beneficiando milhares de pessoas por todo o Brasil.

prouni-vai-acabar

Então, para você vestibulando que está encerrando seu Ensino Médio, ou a você que já não estuda e ainda quer ingressar em uma universidade, não se preocupe, há fortes indícios que o ProUni voltará nos próximos anos. Entretanto, pode ser que ocorra uma redução de novas vagas, já que o principal motivo da suspenção do ProUni é a falta de verba para o programa, devido a grande quantidade da demanda de universitários. Desejamos uma boa sorte, e lembre-se, há ainda o SISU, então não perca o seu tempo e corra estudar para passar na universidade pública de seus sonhos!

Leia Mais

Cancelar Fies (substituir) para Bolsa do Prouni

Substituir o FIES pelo PROUNI

Você é estudante universitário e participa do FIES e quer cancelar? Saiba se isso é possível e se é possível cancelá-lo para uma Bolsa do Prouni. Inicialmente vamos diferenciar estes dois programas do governo federal que permitiu tantos estudantes de baixa renda ter acesso ao ensino superior e veja como fazer o cancelamento do FIES.

fies-prouni

Ambos o FIES e o PROUNI são programas do governo federal através do Ministério da Educação, o primeiro Programa Universidade para Todos (ProUni) promove seleção para oferecer bolsas parciais e integrais para alunos de baixa renda oriundos de instituições públicas de ensino e que queiram estudar em uma faculdade. Para isso, além de comprovar ter baixa renda, ter estudado em escola pública, é preciso que a universidade que deseja fazer seu curso superior participe do ProUni.

Para se inscrever no ProUni é necessário ficar atento às inscrições que ocorrem duas vezes ao ano, geralmente no primeiro e a segunda inscrição no segundo semestre. Para participar o estudante deve ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e ter obtido pelo menos 450 pontos no exame e não ter zerado na redação. Ao fazer a inscrição no ProUni o candidato deve escolher por ordem de prioridade os cursos que desejam concorrem às vagas.

Já o FIES (Fundo de Financiamento Estudantil do Ensino Superior) financia as mensalidades dos cursos de graduação para estudantes que já estejam matriculados em um curso de ensino superior em instituições privadas e também prioriza os estudantes de baixa renda. Para pleitear o financiamento o estudante precisa estar matriculado em um curso superior, este curso precisa ter uma avaliação positiva no MEC e deve comprovar a renda per capita familiar de até 2,5 salários mínimos; outro requisito é também ter alcançado no ENEM a nota mínimo de 450 pontos. Saiba mais sobre o FIES acessando: www.fies.org

Como Trocar o Fies pelo Prouni?

Há algumas dúvidas frequentes entre os beneficiários dos dois programas. Por exemplo, é possível usar os dois benefícios simultaneamente? Vai depender do tipo de bolsa que você possui no PROUNI. Por exemplo, você tiver uma bolsa integral no ProUni e conseguir o FIES, vai ser necessário suspender ou encerrar o FIES. Já se você conseguiu a bolsa parcial de 50%%, pode usar o FIES para financiar os 50% restantes. Outra dúvida se é possível transferir o FIES para outra instituição. Isso vai depender se na outra instituição tem vaga no curso para o FIES. Se positivo, poderá fazer a transferência pelo próprio sistema ProUni. Se quiser ir para outra instituição sem o Fies, pode fazer, mas terá que cancelar ou suspender o mesmo. Importante lembrar que se cancelar o Fies, só pode solicitá-lo uma única vez, então se o encerrar e escolher substituí-lo pelo ProUni, você não terá uma segunda chance de voltar atrás para o FIES.

cancelar-fies-bolsa-prouni

Veja Como Fazer o Cancelamento do FIES em: https://fies.org/fies-como-cancelar.htm

Já o ProUni já permite, mesmo que você o perca por diversas razões, você poderá refazer o teste para adquiri-lo (atendendo os critérios do mesmo, é claro).

Por estas questões acima e outras é necessário analisar bem o que vai fazer como cancelar ou não o Fies ou substituir ou não pelo ProUni. Questão de analise minuciosa antes de tomar qualquer decisão.

Leia Mais

Prouni e Sisu 2018: Inscrições, Ao Mesmo Tempo

SISU 2018 Inscrições

Dois benefícios que são bastante disputados por estudantes do Brasil, veja se pode se inscrever nos dois ao mesmo tempo. Processo de inscrição no Prouni e Sisu 2018.

A grande quantidade de brasileiros que chegam ao ensino superior no Brasil é grande hoje graças aos benefícios que o mesmo oferece aos jovens e adultos que desejam realmente estudar. Dois programas bastante conhecidos, o Prouni e Sisu 2018, são os responsáveis por fazer com que os cursos de graduação mais caros sejam de acesso a todos, inclusive às pessoas de baixa renda.

prouni-sisu

O Prouni é uma bolsa concedida pelo governo para que os alunos possam optar por estudar em uma instituição privada. Para que isso aconteça, o interessado deve ter feito o Enem no respectivo ano, e aguardar em uma lista de espera.

Já o Sisu permite que o futuro acadêmico possa ingressar em uma instituição de ensino superior pública, na qual não precisará pagar mensalidades, mas para inscrever-se também precisará fazer o Enem no respectivo ano da seleção.

Por mais parecidos que sejam o Prouni e o Sisu são programas criados pelo governo, porém que possuem suas diferenças: uma delas é que: um serve para instituições de ensino superior públicas, e o outro serve para instituições de ensino superiores privadas. Para resolver todas as dúvidas entre o Prouni e Sisu 2018, este post mostrará se é possível fazer uso de ambos os benefícios.

É possível estar inscrito no Prouni e Sisu 2018 ao mesmo tempo?

Esta é a principal dúvida de pessoas que estão ingressando no ensino superior. É possível esclarecer que, a inscrição no Prouni e Sisu 2018 sim é garantida, nada impede de que uma pessoa possa garantir uma das duas vagas, fazendo a inscrição em ambas.

No entanto, no momento em que o candidato é chamado para ocupar a vaga, ele precisará escolher entre um dos benefícios. É possível sim inscrever-se nos dois, porem o candidato tem direito a somente um deles. Por isso, estar sendo beneficiado pelo Prouni e Sisu ao Mesmo Tempo não é possível.

prouni-sisu-ao-mesmo-tempo-inscricoes

Nos casos em que o acadêmico esteja inscrito em uma instituição de ensino superior graças ao Prouni, e de repente é chamado para uma vaga aberta pelo Sisu em uma instituição de ensino pública, o candidato poderá optar. No entanto é importante que o mesmo desligue da instituição atual somente depois de ter sua vaga garantida pelo Sisu 2018, a fim de não arriscar a sua vaga atual caso ele opte pelo ensino público.

O mais importante para poder ter uma das duas vagas, o Prouni e Sisu 2018, é ficar atento aos prazos de inscrição de ambos os programas, hoje as opções de estudar uma graduação estão bem mais acessíveis, e as mesmas devem ser aproveitadas. Não deixe de fazer o Enem todos os anos, pois ele é a porta de entrada para o ensino superior que pode ser finalizada com o Prouni e o Sisu em qualquer momento do ano. Para fazer a inscrição no SISU 2018 acesse o site www.sisu.net.br e confira as vagas disponíveis.

Leia Mais

Quem tem Fies pode Fazer Prouni?

FIES e Prouni Juntos Veja o Que Fazer

Os estudantes que estudam e tem o sonho da universidade conhecem várias formas que o governo federal tem disponível para proporcionar o acesso mais facilitado a este estudante ao ensino superior. Então muitos estudantes conhecem o PROUNI e o FIES e se perguntam se tendo um destes programas inscritos poderá participar do outro? Primeiramente vamos conhecer cada um deles e tirar esta dúvida.

quem-tem-fies-e-prouni

O Programa Universidade para Todos (ProUni) oferece bolsas de estudo tanto parciais como integrais em instituições particulares de ensino superior assim como aquelas de cursos de formação específica e somente estudantes brasileiros sem diploma de nível superior podem participar do ProUni.

O Programa de Financiamento Estudantil (FIES) é também um programa do Ministério da Educação (MEC) que se destina a financiar a graduação na educação superior de estudantes que já estejam matriculados em cursos superiores particulares e que o curso deve ter uma avaliação positiva nos processos avaliativos realizados pelo MEC. O FIES é um empréstimo para pagar a faculdade, diferente do Prouni que é uma bolsa.

Embora diferentes, os programas acima podem ser usados ao mesmo tempo, no caso, somente poderá ser usado pelo bolsista parcial do ProUni para pagamento dos 50% dos valores restantes do valor da faculdade que a bolsa de estudo não cobre.

Mas, apesar de haver esta possibilidade de participar os dois problemas é necessário ficar atento novas regras e alguns requisitos para poder usufruir dos dois programas.  A faculdade onde está matriculado participa do FIES? Isso é importante para poder financiar a sua faculdade; outro requisito é que o FIES só pode ser solicitado para financiamento de cursos presenciais e particulares e não os cursos à distância e também curso que tem avaliação positiva do MEC; para poder usufruir do ProUni e FIES é necessário o estudante estar matriculado no mesmo curso e na mesma faculdade e que a soma dos dois programas não ultrapasse o valor dos encargos educacionais com os descontos. A partir de 2015, quem solicitou o FIES  tem que ter obtido o mínimo de 450 pontos e não ter zerado na redação do ENEM. Mas, para quem já tem a bolsa parcial do ProUni e vai pedir o FIES esta última regra não vale, pois o ProUni já exige pelo menos 450 pontos no ENEM.

É preciso ficar atento ao calendário de inscrição tanto do ProUni quanto do FIES para não perder a oportunidade de participar do Prouni, saiba mais em: Inscrições Prouni.

fies-e-prouni-juntos

Há também outras dúvidas quanto à possibilidade de usar os dois programas como se pode financiar o FIES apenas uma parte do que falta para pagar a mensalidade (no caso dos bolsistas parciais). Isto não é possível, pois o percentual mínimo de financiamento do programa FIES é de 50% dos encargos.

Além do estudante que concorra ao FIES além de não ter cursado faculdade anteriormente outros critérios são analisados para conceder o programa como o estudante tem renda familiar de até três salários mínimos bruto por pessoa. O estudante que tenha renda familiar superior a este valor já está fora do programa. Ainda deve-se lembrar de que para o ProUni é necessário também comprovar uma renda de até três salários mínimos.  Tem dúvidas ainda se é possível ter acesso aos dois programas do MEC, pesquise e leia atentamente as regras dos programas e se informe. Saiba mais acessando www.fies.org e veja se precisa cancelar o FIES para o Prouni e outras informações sobre os programas.

Leia Mais