Prouni Ajuda de Custo

Ajuda de Custo Bolsa de Estudo do ProUni

O Programa Universidade para todos (PROUNI) tem como finalidade a concessão de bolsas de estudos integrais e parciais em cursos de graduação e sequenciais de formação específica em instituições privadas de ensino superior. Confira como funciona a ajuda de custo do ProUni para os bolsistas.

pruni-ajuda-de-custo-bolsa

O PROUNI foi criado pelo Governo Federal em 2004 e institucionalizada pele lei n° 11.096 de 13 de janeiro de 2005, oferece, em contrapartida, isenção de alguns tributos àquelas instituições de ensino que aderem ao programa.

O programa é direcionado aos estudantes egressos do ensino médio da rede pública ou da rede particular, nesse caso como bolsista integral, com renda per capita familiar máxima de três salários mínimos. O Prouni conta com um sistema de seleção informatizado e impessoal que confere transparência e segurança ao processo. Os candidatos são selecionados pelas notas obtidas no ENEM (Exame nacional do Ensino Médio).

O ministério da educação oferece aos estudantes do PROUNI outros benefícios além da bolsa integral ou parcial para ingressar no ensino superior privado como a bolsa permanência que é destinada para quem tem bolsa integral no PROUNI. Além disso, é destinado aos que estão matriculados em cursos presenciais com no mínimo seis semestres de duração, com carga horária de seis horas por dia ou mais. A seleção para conseguir a bolsa permanência é feita no início de cada mês, quando também é definido o valor.

Confira também: Comprovação de Renda do PROUNI

Desde 2007, o Prouni e sua articulação com o FIES, é uma das ações integrantes do Plano de Desenvolvimento da Educação PDE. Assim o PROUNI, aliado ao Fundo de Financiamento Estudantil (FIES), ao Sistema de Seleção Unificada (SISU) ao Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (REINI), a universidade aberta do Brasil (UAB) e a expansão da Rede federal de educação profissional e tecnológica ampliam significadamente o numero de vagas na educação superior, contribuindo para o maior acesso aos jovens ao ensino superior. Por isso também maior numero de benefícios concedidos.

Leia Mais

Prouni Bolsa Permanência

Bolsa Permanência do Prouni

Saiba o que é a Bolsa Permanência do Prouni – Programa Universidade Para Todos e quem tem direito a bolsa permanência.

prouni-bolsa-permanencia

O que é a Bolsa Permanência do Prouni?

A Bolsa Permanência do Prouni, como o nome aponta, trata-se de um benefício ao estudante cujo valor é máximo e equivalente ao valor que é praticado na política federal de bolsas de iniciação científica. A Bolsa Permanência é exclusivamente destinada para o custeio das despesas com a educação do beneficiário que possui bolsa integral no Prouni (Programa Universidade para Todos). A seguir, saiba mais sobre o tema “Prouni Bolsa Permanência”.

Como funciona a Bolsa Permanência do Prouni?

O estudante beneficiado com a Bolsa Permanência tem algumas exigências a cumprir como, por exemplo, estar matriculado em algum curso do tipo presencial que tenha no mínimo a duração de 6 (seis) semestres, e que cuja carga horária média desse curso seja igual ou superior a 6 (seis) horas diárias de aula. Essas normas estão de acordo com os dados das instituições de ensino cadastradas junto ao MEC. Muito se pergunta sobre o valor da Bolsa Permanência. Então, esse valor é definido no edital que é publicado pela Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação. Portanto, pode variar de acordo com a edição do edital, mas já foi exibido um valor de R$ 300 mensais para a Bolsa Permanência do Prouni.

Processo de Seleção da BOLSA PERMANÊNCIA do Prouni

Todos os meses, no primeiro dia de cada mês, é realizada a seleção dos bolsistas que são considerados aptos ao recebimento da Bolsa Permanência do Prouni, sendo observada a carga horária do curso que o estudante frequenta, assim como a disponibilidade do orçamento e do nível financeiro do MEC – Ministério da Educação.

Os estudantes que são considerados aptos a receber a Bolsa Permanência do Prouni devem fazer o seguinte: abrir conta corrente individual nos Bancos ‘Banco do Brasil’ ou ‘Caixa Econômica Federal’, sendo desconsideradas as contas tipo poupança, contas com mais de um titular, contas eletrônicas ou contas que estão abertas com CPF diferente do que pertence ao bolsista. Depois disso, o estudante bolsista deve se dirigir – na instituição em que está matriculado – à coordenação do Prouni, portando os documentos: Identidade (RG), CPF, e também o comprovante bancário que contenha os dados da sua conta corrente, para que assim o seu cadastro seja efetivado de forma correta no Sistema do Prouni, sendo assinado logo depois o Termo de Concessão de Bolsa Permanência.

Para informações detalhadas sobre a Bolsa Permanência do Prouni, acesse: http://siteprouni.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=125&Itemid=141, no site oficial do Prouni.

Leia Mais